Notícias

Nota conjunta do Sinjorba e Sadejorba (18/07/2012)



A Tarde

A Tarde



 

Esgotadas todas as possibilidades de evitar os desligamentos de funcionários de A Tarde, bem como a forma de pagamento parcelado das verbas homologatórios, o Sinjorba e o Sadejorba concluiram hoje (18/07) a assinatura do Termo de Ajustamento de Conduta (TAC) no Ministério Público do Trabalho (MPT). O MPT atendeu a pedido de mediação feito pelos sindicatos, referente a demissão sem justa causa de 81 funcionários e o parcelamento de verbas homologatórias, multa do FGTS e Banco de Horas, proposto pela Empresa A Tarde, que alegou a situação financeira como motivo para não efetuar o pagamento total destas verbas no ato de homologação.

 

O ex-funcionário não é obrigado a aceitar esta proposta de parcelamento no ato de homologação e este não quita outros valores que porventura o trabalhador tenha direito. Vale destacar que a assinatura do TAC foi a única alternativa favorável aos trabalhadores diante do risco de as demissões ocorrerrerm sem o pagamento imediato das verbas rescisórias.


Os valores será pago em seis parcelas. Uma sétima parcela será paga referente a multa prevista no artigo 477 da CLT que trata do atraso na homologação e equivale a um salário do trabalhador.

 

Acrescentamos que a agilidade da negociação deveu-se, inicialmente, à sensibilidade do procurador chefe do MPT Pacifico Antonio Luz de Alencar Rocha que recebeu o pedido de mediação feito pelos sindicatos às 18h40 da última sexta-feira, 14/07, e solicitou ao procurador Rômulo Barreto Almeida a distribuição da representação. Este agilizou o procedimento e marcou a primeira reunião para às 10 horas da última segunda-feira, dia 17/07, a ser presidida pela procuradora Carlene de Carvalho Guimarães. Os representantes dos sindicatos e os funcionários de A Tarde sentiram-se plenamente amparados pelo MPT, cuja intervenção foi imprescindível para o bom termo das duas rodadas de negociação.

 

Os presidentes dos sindicatos contarão ainda com acompanhamento do MPT para evitar que os funcionários sejam submetidos a extrapolação da jornada de trabalho, diante da saída de colegas e da manutenção do volume de trabalho em cada departamento da empresa.

 

      Marjorie Moura                                         Genivaldo Taquari
Presidente do Sinjorba                       Presidente do Sadejorba  



Sindicato dos Jornalistas Profissionais do Estado da Estado da Bahia
End.: Rua Gregório de Matos (antiga Maciel de Baixo), Nº 25 - Bahia. CEP: 40.026.240
Tel.: 71 3321-1914 | Email: sinjorba@sinjorba.org.br
© Copyright 2005-2012. Todos os Direitos Reservados