Home SinjorBA Após vitoriosa paralisação, jornalistas de A TARDE farão nova assembleia

Após vitoriosa paralisação, jornalistas de A TARDE farão nova assembleia

por Fernanda Gama

Os jornalistas de A TARDE e MASSA se reúnem em assembleia na segunda (14), para avaliar o resultado da paralisação de 48 horas realizada nos dias 08 e 09 de março e definir novas ações de mobilização. Estará em pauta uma nova paralisação, agora de 72 horas ou a deflagração de uma greve por tempo indeterminado na empresa.

Após dois dias de movimento, a empresa não se pronunciou e nem mudou sua proposta de pagar o salário do mês de janeiro apenas no dia 15 de abril. Também não apresentou qualquer proposição para solucionar várias outras pendências existentes, que demonstram o total descompromisso da organização para com seus empregados e para com a lei.

O Sindicato inicia na próxima semana, uma série de medidas no campo jurídico-institucional para reagir a este comportamento temerário e irresponsável de A TARDE. Vai acionar o Ministério Público do Trabalho (MPT), a Superintendência Regional do Trabalho e a instaurará dissídios coletivos dos anos em que a empresa não assinou acordo com seus empregados.

No campo político, a entidade buscará o apoio da Federação Nacional dos Jornalistas (Fenaj) e dos sindicatos representativos da categoria em outros estados para denunciar nacionalmente a forma como o grupo A TARDE vem tratando seus trabalhadores. Uma nota assinada por mais de 20 entidades, solidária aos jornalistas, será divulgada nesta quinta (10).

“O jornal A TARDE optou pela imaturidade. Em vez de buscar uma negociação séria, a empresa se calou e optou por fechar as edições dos dias 09 e 10 de março com material produzido por estagiários (o que é ilegal), além de obrigar alguns fotógrafos que não aderiram ao movimento a dobrarem o expediente”, diz o presidente do Sinjorba, Moacy Neves. Para ele, não resta dúvida que a decisão da empresa é pagar para ver, mantendo a situação atual de atraso salarial, sonegação de direitos e desrespeito à lei.

EDITAL DE CONVOCAÇÃO
Assembleia de deflagração de Greve

O Sindicato dos Jornalistas Profissionais no Estado da Bahia – SINJORBA, inscrito no CGC. MF sob Nº. 13507744/0001-49, com endereço à Rua Chile, Nº 22, Edifício Desembargador Bráulio Xavier, Sala 301, Centro, nesta capital, entidade constituída para coordenação, defesa e representação legal dos jornalistas do estado da Bahia, no uso de suas atribuições legais e estatutárias, por seu presidente ao final firmado, vem convocar, na forma das normas estatutárias aplicáveis, os jornalistas dos jornais A TARDE e MASSA, para assembleia geral extraordinária, a ser realizada no dia 14 DE MARÇO DE 2022 (segunda-feira), às 14 (quartoze) horas, em primeira convocação com a maioria dos jornalistas da empresa e às 14h30 (quartoze e trinta), com qualquer número de presentes, para deliberar sobre a pauta abaixo. O encontro será realizado através da Plataforma Zoom, cujo link será enviado a todos os trabalhadores através dos grupos de WhatsApp compostos pelos mesmos e divulgado na página do Sindicato na internet e nas redes sociais do Sinjorba. Este edital será afixado também em local de fácil visualização na sede da empresa. Pauta: a) Avaliação da Paralisação de 48 horas; b) Discussão e aprovação de nova paralisação de 72 horas ou deflagração de greve por tempo indeterminado a partir do dia 17 de março de 2022; c) O que ocorrer.

Salvador, 09 de março de 2022

Moacy Carlos Almeida Neves
Presidente do Sinjorba

Deixe um comentário