Carteiras Nacional e Internacional de Jornalistas

CARTEIRA DE IDENTIDADE DA FEDERAÇÃO NACIONAL DOS JORNALISTAS (FENAJ)

Prevista pela lei n.º 7.084, de 21.12.82, a carteira nacional de jornalista é um documento de identidade pessoal e profissional, válido em todo o território nacional e só poderá obtê-lo o jornalista que tenha registro profissional no Ministério do Trabalho e Emprego. O documento é  solicito pelos Sindicatos de Jornalistas nos estados.

CARTEIRA DE IDENTIDADE DE JORNALISTA NACIONAL:

Carteira para jornalista sindicalizado e em dia com seu sindicato – R$ 100,00;

Carteira para jornalista não sindicalizado – R$ 400,00. 

Taxa de postagem: R$ 16,00 (pacote de 05 carteiras).

É exigida a apresentação/envio dos seguintes documentos PARA CARTEIRA NACIONAL:

– RG;

– CPF;

– CTPS – Xeróx da página da foto/verso e do registro profissional;

– Xerox do Diploma do Curso de Jornalismo – frente e verso (exceto para repórter fotográfico, cinematográfico, diagramador, ilustrador ou portador de registro do STF);

– 01 (uma) foto3/4 (tem que ser entregue no sindicato e só pode ser de papel).

O jornalista tem que comparecer ao sindicato na emissão da primeira via para coleta de assinatura e da impressão digital.

 

CARTEIRA DE IDENTIDADE DE JORNALISTA DA FEDERACION INTERNACIONAL DE PRENSA (FIP):

Carteira para jornalista  em dia com seu sindicato €55; 

Taxa de postagem: R$ 16,00 (pacote de 05 carteiras).

É exigida a apresentação dos seguintes documentos PARA CARTEIRA INTERNACIONAL:

– Ser sindicalizado;

– Carteira Nacional na validade;

– 01 fotos 3×4(ver detalhes da foto abaixo);

É exigido que o jornalista seja sindicalizado e a apresentação/envio por email dos seguintes documentos:

– Carteira Nacional na validade;

– 01 (uma) foto3/4 (tem que ser entregue no sindicato e só pode ser de papel)

– Formulário preenchido e assinado.

 

OBS: O prazo para entrega é de 20 dias úteis.

Mais informações através do telefone (71) 3321-1914, das 13h as 18h.

 

DETALHES DA FOTOGRAFIA E DA ASSINATURA

Para fazer a carteira, a fotografia precisa ser recente (não mais de 6 meses), formato 3 X 4, com corte próximo à cabeça e no alto dos ombros, de forma que a face tome 70% a 80% da foto. No caso de fotografia digital, deve ter resolução de 300 a 400 DPIs e se impressa vir em papel de alta qualidade, além de estar em fundo branco. Outros detalhes da foto são o foco nítido, olhar direto para a câmera, tom natural da pele, sem sombras ou brilho. Para quem usa óculos, evitar fotos com reflexo na lente ou com lentes coloridas. Os óculos devem permitir que se veja os olhos. Chapéus e outros adereços que cubram a cabeça só serão aceitos por motivos religiosos. Em formulário gerado via internet, a digital e a assinatura serão coletadas.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *